Boa madrugada! Ji-Paraná (RO), Sexta-feira, 25 / 04 / 2014


Inmetro recomenda cuidados com brinquedos
Data da notícia:08/10/2010

Preocupado com a segurança das crianças, o Inmetro (Instituto Nacional de Metrologia) divulgou uma lista de cuidados que os pais devem ter com os brinquedos dados aos seus filhos:

 Inspecione os brinquedos regularmente à procura de danos que podem ocorrer durante a brincadeira ou enquanto a criança o manuseia. Procure potenciais riscos, como pontas afiadas e arestas. Conserte o brinquedo imediatamente ou mantenha-o fora do alcance da criança.
 Crianças na chamada “fase oral” estão explorando o mundo e tendem a fazê-lo colocando brinquedos e outros objetos na boca. Dica: utilize uma embalagem plástica de filme fotográfico como referência, pois ela possui o diâmetro aproximado da garganta da criança e poderá alertar para o risco de forma bastante visual.
 Evite brinquedos com pontas e bordas afiadas, que produzem sons altos e que apresentem projéteis, como dardos e flechas.
 Correntes, tiras e cordas com mais de 15 cm devem ser evitados para reduzir o risco de estrangulamento.
 Brinquedos elétricos podem causar queimaduras. Evite brinquedos com elementos de aquecimento – baterias, tomadas elétricas – para crianças com menos de 8 anos.
 Certifique-se de que os brinquedos serão usados em ambientes seguros. Brinquedos dirigidos pela criança não devem ser usados próximos a escadas, rua, piscina, lago, etc.
 Quedas e engasgamento são os principais responsáveis pelos acidentes e mortes relacionados com brinquedos. Um dos principais culpados de engasgamento são as bexigas/balões de látex.
 Crianças de até 3 anos são mais propensas a sofrer engasgamento do que as maiores, porque elas têm tendência a colocar pequenas coisas na boca. No entanto, crianças mais velhas também correm riscos de se engasgar com bexigas e sacos plásticos.
 Brinquedos dirigíveis, principalmente bicicletas, estão associados a mais acidentes que qualquer outro grupo de brinquedos. Acidentes fatais podem ocorrer quando a criança é atingida por um automóvel ou quando a criança cai numa piscina, num lago, riacho, etc. A maioria dos acidentes com brinquedos dirigíveis ocorre quando as crianças caem dos brinquedos.
 O selo do Inmetro garante que o brinquedo passou por testes que comprovam sua segurança e qualidade. Os materiais utilizados na fabricação dos brinquedos devem ser atóxicos.
 Qualquer emergência os bombeiros devem ser acionados através do 193 imediatamente.


Esta noticia foi vista 606 vez(es)




NOTÍCIAS ANTERIORES
Digite a palavra desejada:






O Jornal Correio Popular é uma publicação pertencente à
EMPRESA JORNALÍSTICA C.P. DE RONDÔNIA LTDA Fonefax: 0** 69 3421-6853
E-mail´s da Redação: redacao@correiopopular.net - correiopopular@superig.com.br - cpopular@uol.com.br